Ofensa à mãe de Ronaldinho relatada em súmula

Ofensa à mãe de Ronaldinho relatada em súmula

O árbitro paulista Paulo César Oliveira, que apitou neste domingo, no Olímpico, a derrota do Grêmio para o Atlético Mineiro, por 1 a 0, relatou em súmula a faixa que foi colocada no estádio ofendendo a mãe de Ronaldinho Gaúcho. O documento, que está no site oficial da CBF (sumula.cbf.com.br/grat010712s.pdf) fala da conduta do público, definida da seguinte forma:  “Conduta do público: No momento em que adentrei ao campo de jogo, antes do início da partida, observei que havia uma faixa pendurada no lado oposto às áreas técnicas, na arquibancada onde se encontravam torcedores do Grêmio. A referida faixa continha as seguintes palavras: "Miguelina Prostituta". Contatei o policiamento, que prontamente a retirou deste local e ficou de posse da mesma no Jecrim (Juizado Especial Criminal), segundo informação do Tenente Pioner”. A conduta dos torcedores do Grêmio, que colocaram a faixa no estádio, pode prejudicar o clube. A procuradoria do STJD pode oferecer denúncia. Se isto acontecer, o Grêmio irá a julgamento e poderá ser punido.